Valores

Decoração e crianças


A concepção do espaço que as crianças vão ocupar na casa é muito importante para garantir o seu bem-estar. Durante a gravidez, alguns pais já imaginam as cores e o tipo de decoração que desejam para o quarto do filho. Outros preferem esperar, visitar lojas, consultar opiniões e optar por preparar o equipamento básico e deixar passar algum tempo antes de decorar o quarto de acordo com as necessidades do bebê.

Quanto ao sabor, acontece algo semelhante. Alguns pais preferem algo muito simples e direto e outros, em vez disso, decidem montar o quarto dos seus sonhos para o futuro bebê. Alguns optam por comprar e outros preferem criar e montar eles próprios. Em qualquer caso, o quarto onde o bebé vai dormir reflecte sempre em cada recanto o amor e a dedicação dos pais.

Na hora de decidir a decoração do quarto das crianças, primeiro é preciso medir e dependendo do espaço, levar as devidas considerações. Também é conveniente deixar claro quanto você pode e deseja gastar. Enfrentar o desafio de decorar o quarto do futuro bebê exige paciência, determinação e muito amor e vontade.

Os sentimentos são expressos e percebidos nas coisas que fazemos. Em geral, os especialistas em decoração acreditam que existem duas idades que devem ser diferenciadas no quarto das crianças. A primeira corresponde ao quarto do recém-nascido até os três anos de idade, que tem uma decoração muito específica tendo o berço ou o berço como protagonista.

A segunda decoração destina-se a crianças dos 3 aos 11 anos, onde a mesa de estudo e a cama assumem a liderança.

No entanto, os princípios de decoração do ambiente tendem a variar de acordo com a moda, gostos e espaço disponível. Porém, existem alguns denominadores comuns dominantes na cor das paredes (geralmente em tons neutros ou pastéis), nos móveis (laqueados em cores claras ou com acabamento em madeira suave) e nos acessórios (roupas de cama, cortinas, carpetes , iluminação) em tons relacionados ao sexo do bebê.

Também é comum escolher um tema infantil (Mickey, Barbie, Winnie Pooh) e encher o quarto da criança com objetos e tecidos relacionados ao personagem escolhido. Enquanto alguns pais acreditam que decorar com um tema é mais fácil, outros preferem usar sua própria criatividade e criar um ambiente mais personalizado.

Tudo depende da disponibilidade de espaço, dos recursos financeiros disponíveis, do tempo e do grau de entusiasmo que você tem. Atualmente, a oferta para a criação de ambientes infantis em casa é cada vez mais variada e ampla. Os preços estão ao alcance de todos os bolsos e, talvez, por isso a demanda continue evoluindo a um ritmo crescente.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Decoração e crianças, na categoria Decoração de Site.


Vídeo: IRMÃOS NO MESMO QUARTO: Dicas de decoração (Outubro 2021).