Valores

Massagens em bebês e crianças


Nada melhor do que uma massagem para cuidar do seu bebê, para relaxá-lo e mostrar-lhe todo o seu carinho e amor. Massagem terapêutica para crianças recebe o nome de Shantala. Sua origem está na Índia. O médico francês F. Leboyer, após observar como uma mãe massageava seu bebê, ficou fascinado com a força dos movimentos e os benefícios que essa prática trazia para os bebês.

Leboyer ficou tão impressionado que decidiu importar essas técnicas para o Ocidente e batizar a sequência de movimentos com o nome dessa mãe, Shantala. Segundo Leboyer, ser segurado, embalado, acariciado, tocado, massageado, etc., é algo tão indispensável para as crianças pequenas quanto vitaminas, sais minerais e proteínas.

O massagem infantil consegue acalmar as crianças, promove a resistência do seu corpo, para que tenham um sono tranquilo e um desenvolvimento mental positivo. As massagens são um dos momentos preferidos dos bebês. Durante a massagem os pequenos sentem uma sensação muito agradável porque não se trata apenas do contacto com a pele, mas também de perceber as sensações através do audição, olfato e visão.

Se a massagem faz parte de uma rotina diária, o bebê saberá, por exemplo, que após o banho e antes de colocar a roupa, alguém (mãe ou pai ou outra pessoa) proporcionará esse momento tão esperado.

Ao ouvir a mãe espalhar o óleo ou creme nas mãos, o bebê já se sentirá pronto para viver a experiência de massagem agradável. Nesses poucos minutos, o bebê encontrará paz e terá um grande prazer. A maioria dos bebês adora o contato físico e não é de se admirar que a massagem tenha um efeito calmante e relaxante sobre eles.

Você pode conferir esses vídeos para aprender como massagear seu bebê. Explicamos pela mão de um especialista como fazer massagens relaxantes, para aliviar cólicas ou massagens estimulantes

Você pode ler mais artigos semelhantes a Massagens em bebês e crianças, na categoria de massagens no local.


Vídeo: COMO ALIVIAR AS CÓLICAS, GASES DO BEBÊ I Thamiris Alvalle (Outubro 2021).