Valores

Seu filho sofreu um acidente doméstico?


Alguns anos se passaram mas até hoje lembro o choro de uma criança que ouvi na consulta médica, enquanto esperava minha filha ser tratada pelo pediatra. Aqueles gritos eram desesperadores, assustadores ... As enfermeiras tentavam tirar do fundo do nariz do menino, um par de folhas de uma planta que ele colocara brincando com os irmãos.

Existem histórias realmente assustadoras de acidentes que acontecem com crianças. Crianças que bebem produtos de limpeza, higiene ou beleza, que se queimam com isqueiros ou água quente, que caem da escada, que engolem moedas, alfinetes ou outros corpos estranhos, que se batem a cada três em quatro, que escorregam na banheira ou na cozinha, bom, tem casos de acidentes em casa pra ficar entediado.

O acidentes domésticos eles são mais comuns do que imaginamos. Os especialistas atribuem esses acidentes à falta de supervisão das crianças ou negligência com os adultos e à falta de medidas preventivas. Por isso, não se cansam de recomendar aos pais que fiquem mais vigilantes e coloquem em prática algumas medidas preventivas:

1- Cuide bem das bordas dos móveis e objetos. O ideal é utilizar dispositivos para arredondar essas bordas ou distribuir os móveis, desde que a criança ganhe mais espaço para se movimentar, evitando que caia e bata.

2- Mantenha medicamentos e produtos de limpeza fora do alcance das crianças. Tanto um quanto o outro não são brinquedos. Sua ingestão pode ser perigosa e causar intoxicação em crianças.

3- Evite, de qualquer forma, que crianças tenham acesso a janelas, varandas ou terraços. Você pode colocar grades, barras ou outro tipo de suporte que impossibilite a queda da criança.

4- Escolha brinquedos seguros e devidamente aprovados. Se a criança tiver menos de 3 anos, é aconselhável não trazer brinquedos com partes muito pequenas. Você pode engasgar com isso.

5- Se a criança adormecer na cama ou no beliche, é aconselhável colocar barras de segurança fixas para evitar que a criança adormeça.

6- Crianças pequenas não devem ficar sozinhas na banheira do banheiro. Os acidentes com banheiras são frequentes e perigosos. Um tapete antiderrapante deve ser usado para a segurança da criança.

7- Se você tem carpete em casa, coloque almofadas antiderrapantes por baixo para evitar que as crianças escorreguem. E se você tiver escadas, deve habituar seu filho a descer de mãos dadas.

8- Tenha sempre um kit de primeiros socorros em casa para o caso de surgir alguma emergência. Se você perceber que não pode ajudar seu filho, leve-o imediatamente ao centro de saúde mais próximo.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Seu filho sofreu um acidente doméstico?, na categoria de acidentes infantis em obra.


Vídeo: Descubra Como Evitar Acidentes Domésticos - Dicas para você mostrar para seu filho EDUCAR É SEGURO (Dezembro 2021).