Valores

Como prevenir acidentes domésticos em crianças menores de 6 anos de idade


Mesmo quando estamos em casa, as crianças são imprevisíveis, principalmente no caso de bebês e crianças menores de 6 anos. Existem tantos riscos e perigos para uma criança pequena, mas sempre podemos prevenir.

Sempre tenha em mente todas essas dicas sobre como prevenir acidentes domésticos em crianças menores de 6 anos.

Nenhum pai quer que seu filho sofra acidentes em casa, mas às vezes nós 'confiamos um no outro' e esquecemos certas regras básicas de prevenção. Escreva todas estas dicas sobre como prevenir acidentes domésticos:

  1. Não o deixe sozinho se ele tiver menos de 6 anos. Nunca deixe crianças muito pequenas sozinhas em casa, especialmente se tiverem menos de 6 anos. Nestes casos, devem estar sempre sob a supervisão de um adulto.
  2. Nunca em uma superfície elevada. Nunca deixe um bebê sozinho em uma superfície elevada, como uma cama, sofá, etc. Se você estiver em seu carrinho, carrinho, etc ... você deve estar sempre com o cinto de segurança
  3. Barras de berço na distância correta. As barras do berço devem ser de medida adequada para que o bebê não possa colocar a cabeça para fora. Da mesma forma, se a casa tiver grades, devem ser protegidas por alguma malha metálica ou manter fechadas as portas que dão acesso à área onde estão essas grades, como o terraço, etc.
  4. Barreiras e redes de segurança. Proteja janelas, escadas, terraços, etc., com um sistema de segurança adequado.
  5. Uma temperatura correta. Monitore e controle a temperatura em geral, da água do banho, alimentos, radiadores ou aparelhos que queimam incluindo o ferro, fogão, placa vitrocerâmica, carregadores.
  6. Cuidado com as velas. Não acenda velas nem tenha o cuidado de colocá-las em local seguro.
  7. Protetor de soquete. É importante proteger os plugues, tudo relacionado à eletricidade que esteja em bom estado como cabos e nada ao alcance das crianças.
  8. Protetor nos cantos. Proteja os cantos das mesas ou qualquer outro móvel com cantos vivos.
  9. Mantenha objetos pontiagudos afastados. Não deixe objetos pontiagudos ao alcance de crianças (tesouras, facas, lâminas de barbear, vidro, etc.)
  10. Cuidado com os produtos químicos. Produtos de limpeza ou tóxicos devem ser mantidos fora do alcance de crianças e mantidos bem fechados em seu recipiente original.
  11. Não coloque produtos químicos em recipientes de água ou refrigerante. Não reutilize recipientes de suco, refrigerante ou água com produtos químicos, pois podem ser confundidos com essas bebidas.
  12. Não coloque brinquedos em móveis altos. Os brinquedos devem estar ao alcance das crianças e não em móveis altos.
  13. Cuidado com os talheres. Não deixe facas, xícaras, copos com água quente no balcão.
  14. Os cabos de panelas e frigideiras, para dentro. Os cabos das panelas e frigideiras devem ser mantidos fora do alcance das crianças.
  15. A chave jogada em móveis que esconde produtos perigosos. Bloqueie o acesso a locais que não são seguros para crianças, como porões, garagem, oficinas, salas de armazenamento, etc.
  16. Remédios em local seguro. Os medicamentos devem estar em uma caixa de remédios fora do alcance de crianças pequenas e evite deixar os medicamentos em mesas ou superfícies que a criança possa alcançar.
  17. Cuidado com objetos pequenos. Evite manusear pequenos objetos que possam ser colocados na boca. Como brincos, anéis, etc.
  18. Sacos plásticos, balões ou baterias ... são um perigo. Não o deixe brincar com sacos plásticos, balões para evitar afogamento e guarde-os em local seguro.
  19. No banheiro, nunca sozinho. Monitore as crianças durante o banho.

Devemos conhecer os perigos a que nossos filhos estão expostos em casa, mantendo seu ambiente seguro sem cair em uma superproteção excessiva, pois as crianças precisam de algum espaço para seu desenvolvimento.

Nunca devemos deixar as crianças sozinhas em casa, mas como pais sabemos que no dia-a-dia podemos ter alguma atividade pendente ou temos a necessidade de nos ausentar de casa por algum motivo (seja curto ou médio prazo). O ideal seria deixá-los sempre sob supervisão de alguém de sua confiança, vizinho, familiar ...

A idade de maior risco, com maior percentual de acidentes no domicílio, é entre o primeiro ano e 6 anos. E embora legalmente não haja idade para deixar os filhos sozinhos em casa, os pais devem avaliar a maturidade, a responsabilidade de seus filhos e, dependendo de sua maturidade, sua autonomia pode ser aumentada progressivamente.

Também é importante que como pai você conheça se ele é uma criança que tem confiança em si mesma e não sofre de medo, ansiedade de ficar sozinho por um tempo. Antes de deixar a criança sozinha é importante explicar o que não se deve fazer, deixar claro quais são os limites e, seguindo as instruções, nenhum problema deve acontecer.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Como prevenir acidentes domésticos em crianças menores de 6 anos de idade, na categoria de acidentes infantis em obra.


Vídeo: Acidentes Domésticos, Evite! - DVD Super ECA (Dezembro 2021).