Valores

A fabulosa estratégia contra o bullying de um professor


O bullying é instalado nas salas de aula sutil e silenciosa. Frequentemente invisível para muitos olhos. Para impedir, não há outra solução: evitar que seja instalado entre os alunos. Mas como?

Uma professora encontrou um método eficaz que evita o bullying e ajuda os professores a detectá-lo precocemente. Explicamos em que consiste.

Toda sexta-feira, a professora (americana) distribui uma folha em branco para seus alunos. Este não é um teste surpresa. Eles só precisam responder a duas perguntas muito simples:

1. Com quais quatro crianças você gostaria de sentar na próxima semana?

2. Quem se comportou melhor esta semana?

As crianças respondem, mesmo sabendo que não estarão sentadas com seus melhores amigos. O professor não busca reorganizar as tabelas. Ele só quer saber quem fica de fora. Que nome nunca aparece nessas folhas. Quem não tem amigos.

Assim que os alunos saem, o professor fica em frente ao quadro e analisa os resultados. Um esquema que deixa muito claro o organograma das relações entre seus alunos, como se fosse um raio-x da aula:

- Quem lidera os grupos, quem eles mais admiram.

- Que, sem ser líderes, são muito populares.

- Quem, mesmo sem ser muito popular, tem apoio.

- Aqueles que ficam separados. Estes, precisamente estes, são os alvos mais fáceis do bullying.

O professor identifica crianças 'solitárias'. São as crianças que têm mais problemas de relacionamento. O que fazes, então?

Este professor é claro: se as relações forem equilibradas e todas as crianças receberem apoio ... se todas as crianças se sentirem integradas, será muito mais difícil para um agressor encontrar uma vítima, porque a pessoa assediada terá amigos para defendê-la. O que os professores podem fazer para evitar crianças marginalizadas?

- Organizar assembleias na aula todas as semanas. Eles servem, entre outras coisas, para expor ao público os problemas que surgiram nas aulas e fora das salas de aula e buscar entre todas as soluções.

- Tenha mais empatia com os alunos. Conheça-os mais a fundo. Quem são eles realmente? Quais são seus sonhos? Quem são seus amigos? Você está realmente confortável na aula? Que problemas você tem?

- Promova atividades de coexistência. São atividades destinadas a ajudar os alunos a conhecerem-se melhor, valorizarem-se e respeitarem-se.

- Ensine estratégias às crianças com menos amigos para se juntar ao grupo e mostrar seus dons aos outros.

Você pode ler mais artigos semelhantes a A fabulosa estratégia contra o bullying de um professor, na categoria Bullying no local.


Vídeo: Wulfert: Padłam ofiarą Jugendamtu. Uprowadzili i zastraszali mojego syna. Nigdy nie wrócił do domu (Outubro 2021).