Valores

Como explicar a tradição do Dia dos Mortos às crianças


Para que as crianças entendam todos os aspectos que compõem a tradição do Dia dos Mortos (feriado de grande importância no México) é preciso começar a falar sobre suas origens. O Dia dos Mortos é uma celebração que remonta aos tempos pré-hispânicos.

Sua origem remonta a antes da chegada dos espanhóis, que tinham uma concepção única da morte, ao contrário deles, os indígenas pensavam que os mortos percorriam caminhos diferentes, dependendo da causa pela qual morreram; em geral, eles tinham uma visão em que a morte era a causa de adoração e louvor.

Ao aderir à religião católica ensinada pelos espanhóis, com as crenças dos povos indígenas, uma percepção única da morte foi criada no México! cheio de elementos e simbolismos que até hoje persistem como parte da identidade cultural do México. Assim, podemos explicar a tradição do Dia dos Mortos às crianças.

O Dia dos Mortos é uma das festas mais representativas da cultura mexicana, declarou patrimônio cultural imaterial segundo a UNESCO, esta celebração acontece nos dias 1 e 2 de novembro de cada ano. 1º de novembro é o dia em que as crianças mortas são lembradas e 2 de novembro é o dia em que os adultos morrem.

Para explicar a tradição do Dia dos Mortos às crianças, você pode dizer ao seu filho que durante esses dias as famílias costumam ir aos panteões para decorar os túmulos com flores e oferendas do já falecido. Nas casas é costume colocar altares aos mortos, para que durante estes dias as almas regressem da vida após a morte e visitem as suas famílias.

Nas escolas, também podem ser solicitadas às crianças oferendas para a construção de altares geralmente dedicados a personalidades do mundo da arte, cinema, televisão, literatura, entre outros, tudo com o objetivo de relembrar os seus feitos e a marca que deixaram. este mundo. Isso convida os mais pequenos a refletirem sobre o tema da morte, relembrar seus antepassados ​​e seus ensinamentos, bem como valorizar a vida e ensiná-los a aproveitar o dia a dia ao máximo.

Se em sua casa você costuma colocar um altar para os mortos, não se esqueça de lembrar aos mais pequenos o seu significado e a razão pela qual esta homenagem ao falecido é colocada. A ideia do altar dos mortos é ter um lugar onde os entes queridos falecidos sejam lembrados, com o objetivo de ajudá-los a alcançar o descanso eterno. Nele são colocados itens de que o falecido gostou, como comida ou itens pessoais; também contém elementos que vêm de tradições antigas, que têm um significado específico.

- Níveis do altar
Cada nível representa os "mundos" pelos quais o falecido deve passar para obter seu descanso eterno. Se o altar tiver dois níveis, estes representam o céu e a terra; se forem três, eles representam o céu, o purgatório e o mundo subterrâneo; se for 7, eles representam os níveis do mundo inferior.

- Elementos do altar

- velas
A chama que eles produzem significa esperança e é usada para guiar o falecido ao altar. Em algumas comunidades indígenas, cada vela representa um falecido, portanto, dependendo do número de velas que o altar possui, as almas que a família receberá.

- Copal
Este vem dos tempos pré-hispânicos, onde era usado para louvar os deuses antigos. Atualmente é utilizado para a purificação de espaços e para conseguir um ambiente agradável para os falecidos.

- Arc
Ele representa a entrada para o mundo dos mortos e geralmente é decorado com flores e frutas.

- flores
As flores típicas do Dia dos Mortos dão cor e alegria ao altar, enfeitam e aromatizam o local. As mais comuns são a flor da parede, a nuvem e a flor cempasuchil.

- Comida
São colocados pires que eram do agrado do falecido.

- Objetos pessoais
Nos níveis terrenos, geralmente são colocados os pertences e objetos mais queridos e apreciados pelo falecido.

- fotografia
É costume colocar a foto do falecido no alto do altar, bem no meio dele.

- elementos cristãos
Sendo o México um país religioso, elementos pertencentes ao catolicismo, como cruzes, imagens e rosários, também estão incluídos.

- Elementos naturais
Vento, água, fogo e terra são representados no altar de uma forma ou de outra.

- O sal
É um elemento de purificação, ajudará o falecido em sua viagem de ida e volta para o ano seguinte.

- Caveiras
Eles nos lembram de aceitar a morte como inevitável e como parte da própria vida.

Muitas vezes Pode ser difícil esclarecer o conceito de morte para crianças. Para isso, você pode contar a eles sobre seus ancestrais, seus bisavós ou tataravós, mostrar fotos deles e, acima de tudo, prestar-lhes uma homenagem para relembrar seus momentos de vida, através da tradição do Dia do o morto.

Lembre-os de que este dia não é motivo de tristezaPelo contrário, é um encontro alegre porque estamos nos lembrando de pessoas queridas. São dias cheios de cor, festa e tradição, para partilhar com a família. Principalmente para os mais pequenos pode ser uma festa muito atrativa, pela sua comida deliciosa, como o pão de morto, para os divertidos brinquedos em forma de caveira, bem como bombons de chocolate e maçapão em forma de esqueleto típicos dessas datas.

Por tudo isso e muito mais, o dia dos mortos é uma festa popular de grande significado e ideal para que as crianças apreciem a cultura e tradição desta festa. Certamente é um ritual que privilegiar a memória sobre o esquecimento, e por meio dessa visão os filhos poderão obter uma forma diferente de lembrar os seres que tanto amaram e que não estão mais conosco.

Por que temos que morrer um dia? Para onde vamos quando desaparecemos? Como conversar com as crianças sobre algo que não sabemos? A morte, como qualquer outro assunto, deve ser tema de conversa com os filhos, desde quando falamos com eles em linguagem simples e adequada à sua idade. Não precisa ser uma conversa profunda e detalhada. Devemos ser claros e responder apenas às suas dúvidas.

As crianças estão cientes de tudo o que acontece ao seu redor, tudo pode afetá-las. Portanto, é muito importante protegê-los, explicando algumas questões como a morte. Nada como compreender e estar bem informado para evitar bebidas ruins. Nós lhe damos algumas idéias para isso:

  • Sempre fale a verdade às crianças, com sinceridade. Não os engane
  • Responda às suas perguntas sem se aprofundar muito no assunto
  • Ouça-os realmente, não apenas os ouça. Respeite e entenda o que eles dizem
  • Mostre empatia. Não há nada melhor do que se colocar no lugar deles para entender seus sentimentos
  • Dê-lhes explicações que também venham do coração. É melhor dar-lhes explicações curtas e fáceis de entender
  • Dê-lhes respostas em linguagem apropriada para a idade da criança
  • Observe se a criança entendeu a explicação e não a deixe com dúvidas
  • Aproveite ocasiões como o Dia dos Mortos, Dia de Todos os Santos, Halloween, para falar sobre a morte de crianças
  • Faça uso da literatura para que as crianças entendam melhor. São histórias, poemas, fábulas, lendas, que retratam a morte de uma forma muito simples e infantil.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Como explicar a tradição do Dia dos Mortos às crianças, na categoria Morte no local.


Vídeo: DIA DOS MORTOS no MÉXICO. DANI NOCE (Novembro 2021).