Valores

Socorro meu filho é pré-adolescente

Socorro meu filho é pré-adolescente


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Muitos pais reclamam que a pré-adolescência dos filhos é mais precoce. Já entre 8 e 11 anos, considera-se que uma criança deixou a infância para trás e embarca em um caminho que leva diretamente à adolescência. É uma fase em que não são crianças, mas também não são adolescentes nem púberes.

A pré-adolescência é caracterizada por uma série de mudanças psicológicas e emocionais nas crianças antes do início das mudanças físicas típicas da adolescência. São os pais que mais notam essas mudanças desde afeta a maneira como eles se comportam e agem.

O meu caso é o inverso, meu filho mais velho, apesar de não ter completado 8 anos, já parece uma criança de 10 anos. Seu tamanho e fisionomia é de um pré-adolescente, porém, sua maneira de se comportar, pensar, reagir e compreensão, é a de uma criança. Embora, às vezes, ele já comece a ter certos comportamentos que revelam que logo terei em casa ... um pré-adolescente!

Costuma-se dizer que a pré-adolescência e adolescência das meninas é muito mais complicada do que a dos meninos. Não acho que tenha base científica, mas no meu caso é 100% verdade e ainda me lembro como fiquei insuportável entre os 13 e os 17 anos. Não sei como minha pobre mãe fica falando comigo!

Há uma série de atitudes e comportamentos que nos fazem suspeitar que nosso filho já se tornou um pré-adolescente:

- Amigos: eles assumem uma importância especial. Eles criam um relacionamento mais famoso com outros meninos e meninas e priorizam estar com seus amigos em vez de outras atividades que anteriormente os atraíam.

- RebeliãoEles tendem a querer ser mais independentes e tentar impor suas regras. Eles discutem e confrontam os pais e não obedecem mais ao que os pais pedem deles como antes.

- Autonomia: eles querem fazer coisas por conta própria, como andar de ônibus, ir ao shopping ou ir à escola.

O que nós, pais de pré-adolescentes, podemos fazer?

Além de conversar com eles, tentar entendê-los ou abrir espaço para que tenham mais autonomia à medida que envelhecem, só temos uma solução para colocar em prática: armar-nos com grandes doses de paciência.

Além de colocar uma dose de compreensão e tolerância na educação dos filhos nessa fase, devemos continuar a aplicar limites ou padrões de referência e, aos poucos, devemos ampliar seu espaço no sentido da autonomia.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Socorro meu filho é pré-adolescente, na categoria Cenários Adolescentes no site.


Vídeo: 10 dicas para pais de adolescentes. Pr Josué Gonçalves (Dezembro 2022).