Valores

Quando o bebê não deixa suas unhas cortarem


'Nãããããããããããããããããão pequena. Todos, exceto o dedo mínimo. É a frase de muitas crianças quando você está prestes a cortar as unhas. E eles expressam isso com autêntico terror. As coisas pioram quando se trata das unhas dos pés. Mas ... por que eles têm tanto medo de cortar as unhas?

Obviamente, eles temem se machucar. Tudo o que eles veem são tesouras que cortam ... e alguns dedos muito pequenos. Não é que eles não confiem em seus pais. É um ato reflexo de autoproteção.

Os bebês nascem com atos reflexos vitais para sua sobrevivência: sugar, alimentar; o 'reflexo de mouro' (levantam os braços quando você os solta com medo de cair); o reflexo de 'agarrar', com o qual agarra com força tudo o que consegue agarrar (como um dedo) ... e talvez o medo de cortar as unhas não seja mais do que um reflexo posterior de autodefesa, do medo de ser feito prejuízo.

Ela se chama Marcelina, e é o exemplo do que muitos bebês fazem quando seus pais tentam cortar as unhas. A verdade é que Marcelina, apesar de seu gritinho cada vez que vê a tesoura chegando e sua risada posterior, esbanja ternura e conquista o coraçãozinho de todos. O pai dela vai conseguir cortar as unhas da Marcelina?

Não existem remédios milagrosos. Sim, truques caseiros. Algumas crianças estão 'convencidas' e outras não. Em qualquer caso, não custa tentar tudo ao nosso alcance para evitar as temíveis birras de bebês:

1. Se você não consegue cortar as unhas durante o dia, experimente enquanto dorme. Mas atenção, existem bebés muito sensíveis e corre o risco de os acordar. Se isso acontecer, ele ficará zangado por duas coisas: por tê-lo acordado e por tentar cortar suas unhas 'traiçoeiramente'. Talvez a melhor hora seja a soneca da tarde (caso você acorde).

2. Experimente cortar as unhas enquanto visualiza suas fotos favoritas. Às vezes, enquanto ele está distraído, você pode tentar aparar as unhas de maneiras sutis. Um pouco de prática levará ao sucesso.

3. Seu filho gosta de comer? Peça ajuda e enquanto outra pessoa lhe dá seu purê favorito, corte as unhas enquanto fala ou canta sua música favorita. Talvez isso faça você esquecer o momento dos 'pregos'.

4. Corte as unhas na frente dele para que ele veja que não dói. Diga a ele que você faz isso e não dói. Talvez você possa convencê-lo.

5. Experimente cortá-los após um banho relaxante. Ele ficará menos nervoso e suas unhas ficarão mais macias. A única desvantagem é que as unhas são 'mais transparentes' e podem parecer piores. Lembre-se de cortá-los sem seguir a forma arredondada do dedo. Corte a unha reta e lixe se quiser os cantos um pouco. Nunca corte muito, sempre deve ultrapassar um pouco a linha da ponta do dedo.

No final das contas, trata-se de tentar distraí-lo. A perícia dos pais e a rapidez com que cortam as unhas farão o resto. Se nenhum desses truques funcionar para você, resta apenas um: paciência.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Quando o bebê não deixa suas unhas cortarem, na categoria de higiene infantil no local.


Vídeo: COMO CORTAR AS UNHAS DO BEBÊ - Studio da Criança (Novembro 2021).