Valores

O verme aprisionado. História infantil sobre as mudanças durante o crescimento

O verme aprisionado. História infantil sobre as mudanças durante o crescimento


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Muitas crianças têm dificuldade em aceitar as mudanças pelas quais seus corpos passam à medida que crescem e se desenvolvem. Tem uns que não gostam de ficar cada vez mais altos, outros que não aceitam que comecem a crescer cabelos na cara ... conto de fadas, que fala sobre mudanças à medida que crescem, é para todos eles.

O verme aprisionado é a história de um verme que não gosta de se transformar em borboleta. É uma história para crianças que você deve ler com seu filho para fazê-lo refletir sobre o assunto.

O verme estava tão acostumado a viver dentro da caixa que nem queria nem precisava sair. Ele comia e dormia o quanto queria; ela caminhava, brincava e se divertia tecendo um casulo para se aquecer no inverno frio e rigoroso.

O calor diminuiu gradativamente e, conforme planejado, ele se deitou para se aquecer. Ele terminou de tecer o que restava do casulo fofo e ficou ali, dormindo, muito confortável.

Certa manhã, ele acordou com calor. Ele achou que era hora de sair dali. Ele empurrou e empurrou com todas as suas forças, e enquanto o fazia percebi que as asas tinham crescido. Ele pareceu muito surpreso.

- Para que eu quero asas? - disse ele em voz alta.

Sem saber usar seus novos apêndices, e com sua nova aparência, continuo trancada na caixa muito aborrecida agora porque as asas estavam atrapalhando, roçavam por toda parte e eu não sabia onde escondê-las.

Uma mosca passou voando e disse:

- Butterfly, por que você não vai voar?

Ele olhou para ela confuso e respondeu:

- É para mim? - Eu acho que você está errado- Eu sou um verme.

Depois de um tempo, uma vespa passou e disse:

- Butterfly, você vem para voar?

- Eu sou um verme! - respondeu ele desta vez um pouco surpreso - não posso voar!

- Olá borboleta! - Ele foi saudado por outra borboleta que passava.

- Você vem voar comigo? Eu conheço um lindo jardim perto daqui.

- Eu sou um verme; não uma borboleta. O que acontece com todos hoje?

Então a borboleta desceu até a caixa e explicou:

- Você costumava ser um verme. Então você se envolveu em um casulo, lembra? - ele continuou falando.

- Então você era uma crisálida e agora você se tornou uma borboleta.

- Agora você pode voar! - disse feliz por fazer essa descoberta maravilhosa; mas ele estava errado.

A borboleta não queria voar. Ficou dentro da caixa onde sempre estivera. Comia o quanto queria, dormia o que queria, andava com suas asas chatas e, podendo ser livre, preferia permanecer presa.

Como dissemos, essa história infantil pode servir de pretexto para conversar com seu filho sobre as mudanças que está passando ou que vai sofrer à medida que crescer. Você deve enviar a mensagem de que, mesmo se ele envelhecer, ainda será a mesma pessoa.

Mas também, esta curiosa história pode ajudá-lo a praticar a compreensão de leitura. Propomos uma série de perguntas que você deve fazer a ele depois de ler o texto. Eles permitirão que você verifique se ele entendeu o que leu e se conseguiu receber a mensagem.

1. Onde o verme morava?

2. Por que outros o chamam de 'borboleta'?

3. Que habilidade ele adquiriu agora que não tinha antes?

4. O que você decide fazer no final? Sair da caixa ou ficar?

Você pode ler mais artigos semelhantes a O verme aprisionado. História infantil sobre as mudanças durante o crescimento, na categoria Contos infantis no site.


Vídeo: Zabili i zjedli człowieka? Wiem, że tatę ktoś wrabia UWAGA! TVN (Janeiro 2023).